Edital de chamada de artigos

EDITAL DE CHAMADA DE ARTIGOS PARA PUBLICAÇÃO

Revista de Odontologia Fibra +Odonto

 

A Reitoria do Centro Universitário Fibra, por meio da Coordenação do Curso de Odontologia, torna público que está aberta a chamada permanente aos pesquisadores (internos e externos à FIBRA), para submissão de artigos visando compor as edições da Revista de Odontologia Fibra +Odonto – Revista do Curso de Odontologia da FIBRA, em conformidade com as normas deste Edital.

 

1. DO OBJETO

O presente edital se destina a abrir chamada aos pesquisadores (internos e externos à FIBRA), para submeterem seus artigos à avaliação do Conselho Editorial, visando a publicação nas edições da Revista de Odontologia Fibra +Odonto, Revista Eletrônica do Curso de Odontologia da FIBRA.

 

2. DA FINALIDADE DA REVISTA

Revista de Odontologia Fibra +Odonto, tem por finalidade divulgar a produção intelectual voltada à Odontologia, de pesquisadores externos à IES, do Corpo Docente e Discente do curso de Odontologia e dos demais cursos da FIBRA, criando uma fonte de pesquisa permanente para a comunidade odontológica brasileira e internacional, abrindo oportunidade para que todos possam divulgar seus trabalhos de relevância odontológica.


3. DO CONSELHO EDITORIAL

O Conselho Editorial é composto por membros do Corpo Docente da Faculdade Integrada Brasil Amazônia – FIBRA e de outras IES, por indicação dos Membros do Núcleo Docente Estruturante (NDE) do Curso de Odontologia, sendo presidido pelo Coordenador do Curso de Odontologia da FIBRA.

 4. DA PERIODICIDADE

A Revista Eletrônica terá periodicidade semestral, com lançamentos das novas edições nos meses de junho e dezembro de cada ano letivo. Cada edição será composta por até 10 artigos inéditos, aprovados pelo Conselho Editorial.


5. DOS COLABORADORES DA REVISTA E ENVIO DOS ARTIGOS

5.1. Poderão ser indicados a participar do Conselho Editorial da Revista de Odontologia Fibra +Odonto qualquer membro do corpo docente da FIBRA, da graduação e Pós-Graduação, bem como estudiosos do Odontologia, nacionais ou internacionais, de forma a ampliar o debate, visando o aperfeiçoamento da revista, como fonte permanente de pesquisa.

5.3. O Conselho Editorial receberá os artigos odontológicos, sendo que sua publicação estará condicionada à avaliação por este, ou por parecerista ad hoc, quando for o caso. Não serão aceitos trabalhos já publicados em outros periódicos ou que estejam em desacordo com as normas deste edital.

5.4. Os artigos deverão ser enviados exclusivamente por meio do portal da Revista de Odontologia Fibra +Odonto (http://maisodonto.fibrapara.edu.br), em conformidade com o Item 6 deste edital, observadas as seguintes especificações técnicas:

5.5. Os artigos podem ser encaminhados em qualquer data, a fim de serem submetidos à análise e aprovação do Conselho Editorial, em arquivo compatível com Microsoft Word, por e-mail, através do endereço eletrônico mencionado acima.

5.6. Todos os artigos serão submetidos à seleção pelo Conselho Editorial, cujos membros têm poder de veto, tanto no que diz respeito à relevância do estudo, quanto à adequação do número e volume de textos ao projeto técnico da revista.

5.7. A Ficha de Avaliação contendo os critérios de avaliação encontra-se no ANEXO ÚNICO. Será considerado aprovado para publicação o artigo cuja média aritmética das notas de, pelo menos, 2 (dois) Avaliadores seja igual ou superior a 5,0 (cinco).

5.8. As decisões concernentes a aprovação ou não dos artigos para publicação são irrecorríveis.

5.9. A publicação ficará condicionada, além da aprovação, ao limite de 10 (dez) artigos por edição, a princípio. Caso o artigo seja aprovado e não publicado na edição do semestre em que foi enviado, o mesmo será publicado em edição subsequente, conforme a demanda.

 

6. DA NORMATIZAÇÃO PARA APRESENTAÇÃO DOS ARTIGOS

Os artigos devem ser apresentados em arquivo do Word, enviados exclusivamente por meio do email da Revista de Odontologia Fibra +Odonto (revistafibramaisodonto@fibrapara.edu.br)  sem identificação do autor no arquivo que contenha o artigo. A identificação deverá ocorrer por meio de mini currículo (contendo a formação acadêmica, atuação profissional, a IES a que se vincula(am) e e-mail), anexando-se como documento suplementar durante o processo de submissão. As configurações devem atender aos seguintes requisitos, sob pena de não ser aceito:

6.1. Do artigo:

O “Artigo científico é parte de uma publicação com autoria declarada, que apresenta e discute ideias, métodos, técnicas, processos e resultados nas diversas áreas do conhecimento” (ABNT. NBR 6022, 2003, p. 02), deverá conter de 15 a 20 laudas, constituído de elementos pré-textuais, textuais pós-textuais.

6.1.1. Os elementos pré-textuais são aqueles que antecedem o texto do artigo e ajudam na sua identificação e utilização: o título que deve conter as palavras com letras maiúsculas negritadas. O subtítulo (se houver) deve ser apenas iniciado com letra maiúscula e separado do título por dois pontos (:), centralizado e com espaçamento de 1,5 entre linhas, sem negrito. Deve-se usar o verbo na terceira pessoa do singular na voz ativa (ABNT, NBR 6028, 2011).

a) o Resumo, em língua portuguesa, deve conter no máximo 250 palavras, com o tema, a justificativa do artigo, o objetivo geral, metodologia sintética, base teórica e resultados alcançados e a conclusão. O texto deve ser justificado, em espaço simples. Um espaço simples deve separar o Resumo das Palavras-chave. Estas devem ser especificadas por, no mínimo três e no máximo cinco palavras, separadas por ponto e vírgula (;).  

b) o ABSTRACT: resumo com versão em inglês, cujas orientações são as mesmas apresentadas para o resumo - ABNT NBR 6028).

c) KEY WORDS: mesmas orientações apresentadas para as palavras-chaves. Dois espaços devem separar o abstract das key words.

6.1.2. Os elementos textuais, que compreendem:

Introdução: parte inicial do artigo, onde devem constar a delimitação do assunto tratado, os objetivos da pesquisa e outros elementos necessários para situar o tema do artigo;

Desenvolvimento: parte principal do artigo, que contém a exposição ordenada e pormenorizada do assunto tratado. Divide-se em seções e subseções, conforme a NBR 6024, que variam em função da abordagem do tema e do método. A fundamentação teórica deve apresentar a teoria de base ou o arranjo teórico, que será utilizado para avaliar os resultados empíricos obtidos com a pesquisa bibliográfica, com citações diretas e indiretas (ABNT NBR 10520) e contraposição do(s) autor(es) do Artigo;

Metodologia: tem como finalidade explicar, com detalhes, as regras que foram seguidas para gerar os resultados da pesquisa, devendo apresentar a abordagem, o enfoque, as perguntas acessórias ou hipóteses acessórias de pesquisa, a caracterização da pesquisa (tipo de pesquisa, design da pesquisa, método utilizado, unidade de análise, nível de análise e tipo de corte temporal, quando for o caso), a população e amostra (quando a pesquisa for quantitativa) ou sujeitos (quando qualitativa ou população igual ou inferior a 40%), os dados (tipos, instrumentos de coletas, formas de análise e interpretação, além dos tipos de exposição) e as limitações do estudo (aspectos do trabalho que significam suas fragilidades);

Análise e discussão dos resultados: organizando-se em torno das perguntas norteadoras ou hipóteses de pesquisa, para que facilite a compreensão dos resultados. Essas respostas parciais devem ser comparadas com a fundamentação teórica do estudo realizado. É dessa discussão que serão geradas as descobertas, os achados da pesquisa, em acordo ou desacordo com a teoria. Da discussão dos resultados é que nasce a conclusão do trabalho;

 a Conclusão: parte final do artigo, na qual se apresentam as conclusões correspondentes aos objetivos e hipóteses. A conclusão se constitui em dizer qual foi a resposta encontrada para a pergunta feita ao seu objeto de estudo (o problema investigado), que conduziu e orientou a pesquisa. Mostra o que a pesquisa encontrou. De forma sucinta deverá ser apresentada a resposta ao problema da pesquisa com base no objetivo geral proposto pelo/a (s) pesquisador (es) e/ou confirmar a hipótese geral do estudo, seguida de uma breve explicação. Os parágrafos seguintes à conclusão devem sintetizar cada resultado parcial obtido de cada pergunta/questão norteadora, ou hipótese acessória. A conclusão deve terminar ressaltando a relevância e as limitações da pesquisa.

Os elementos textuais precisam ser concatenados na forma disposta, sem estarem explicitados em forma de títulos ou itens.

6.1.3. Os elementos pós-textuais são aqueles que complementam o artigo, sendo composto pelas Referências (NBR 6023).

 

 

QUADRO SÍNTESE:

 

Página configurada em A-4, margens superior e esquerda de 3 cm; margens direita e inferior de 2 cm;

Texto: Justificado, Fonte arial, corpo 12 e espaço 1,5. Os textos deverão ser inéditos e para publicação exclusiva. Uma vez publicados também poderão sê-lo em livros e coletâneas, desde que citada a publicação original. Os textos devem ser revisados pelo(s) autor(es), além de terem linguagem adequada a uma publicação editorial científica. A escrita deve obedecer às regras ortográficas vigentes do acordo ortográfico;

Título: caixa alta, negrito, centralizado, corpo 12; subtítulos, centralizado, primeira letra maiúscula;

Resumo/Abstract: síntese do tema, justificativa, objetivo geral, metodologia, base teórica e resultados alcançados e a conclusão (máximo de 250 palavras). Alinhado e justificado, fonte 10;

Palavras-chaves/Keywords: no máximo 5 (cinco);

O artigo deverá ser apresentado entre 15 (quinze) a 20 (vinte) laudas e conter, quando for o caso:

       Introdução: apresentação do tema, problema, objetivos, justificativa e delimitação;

       Desenvolvimento: referencial teórico/revisão bibliográfica;

       Metodologia: tipo de pesquisa, abordagem, população e amostra, instrumentos de coleta de dados;

       Resultados e discussão;

       Conclusão

       Referências: obrigatória ao final do texto, em ordem alfabética, corpo 12, Fonte arial, espaço simples nas entrelinhas e duplo entre referências;

Citação direta com até três linhas: inserida no parágrafo, entre aspas;

Citação direta com mais de três linhas: aparece em recuo de 4 cm, parágrafo separado, fonte 10, espaço simples de entrelinhas;

Citação de fonte: sistema autor-data (seguir regras da ABNT);

Nota de rodapé: fonte 10, digitadas dentro das margens e separadas do texto por espaço simples de entrelinhas;

Número de páginas: à direita, no início da página; ocultar número na primeira página;

Imagens, Tabelas e Gráficos (seguir norma técnica do IBGE): devem ser incorporados ao texto em formato centralizado.

 

7. DA ORGANIZAÇÃO DA REVISTA

7.1. Os artigos selecionados poderão ser agrupados por temas ou outra classificação que melhor se adeque, a critério do Conselho Editorial.

7.2. A atualização da página da Revista de Odontologia Fibra +Odonto ficará a cargo da equipe de apoio da Coordenação do Curso de Odontologia da FIBRA, que diligenciará as providências necessárias junto ao do CTIC da FIBRA.


8. DAS DISPOSIÇÕES FINAIS OU TRANSITÓRIAS

8.1. O Conselho Editorial da Revista de Odontologia Fibra +Odonto é composto pelos Professores Angela Azevedo (FIBRA), Carlos Eduardo Vieira ( Instituto Tavares Vieira), Darlen Carvalho (FIBRA), Giza Miranda (FIBRA), Gyselle Oliveira (UFPA), Jéssica Teixeira (FIBRA), Leandro Augusto Hilgert (UnB), Luciana Dias Alvares (FIBRA), Marcelo Figueiredo Lobato (FIBRA), Mário Cappellette Junior (UNIFESP), Rafael Ferrone  Andreiuolo (UFRJ), Michelle Leal (FIBRA), Railson Ferreira (FIBRA) Roberta Tarkany Basting Höfling (CPO SL MANDIC), Stephano Zerlotini Isaac( CRO MG)  e Thais Mendonça Petta (FIBRA), sendo a presidência exercida pelo Coordenador do Curso de Odontologia.

8.2. Os artigos são de inteira responsabilidade de seus/suas autores/as não refletindo necessariamente a opinião do Conselho Editorial.

8.3. Os casos omissos serão resolvidos pelo Conselho Editorial da Revista.

8.4. Os nomes e endereços informados nesta revista serão usados exclusivamente para os serviços prestados para publicação da revista, não sendo disponibilizados para outras finalidades ou a terceiros.

 

Belém/PA, 12 de novembro de 2019.

 

 

Vicente de Paulo Tavares Noronha
Reitor do Centro Universitário Fibra